Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O meu poema

O blog em que o sonho é o principal verso da vida. O ser humano na sua essência. Os sentimentos à flor da pele. O tudo e o nada.

O meu poema

O blog em que o sonho é o principal verso da vida. O ser humano na sua essência. Os sentimentos à flor da pele. O tudo e o nada.

"Obrigada..."

Os dias vão-se rotulando.

Cresce uma vontade visceral de emprestar cores ao tempo. De significar as palavras e de, para o efeito, as assinalar em momentos efémeros.

Existem “dias mundiais”, datas importantes que se perpetuam no tempo. E existe a nossa forma estranha de denotar sentimentos.

São pouco cordiais as meras vinte e quatro horas de destaque quando as emoções fermentam ininterruptamente dentro de nós. Quando são pequenas bombas-relógio, pequenos rastilhos que desencadeiam guerras turbulentas no peito.

Os tempos mudaram. As gerações cresceram. Vejo, nos olhos de hoje, o espelho de novas trivialidades, cujo engenho se foi fomentando aos poucos, de há uns pares de anos a esta parte.

E digo-o porque sinto, como nunca, a terra deslizar-me pela sola. Como se o nosso entendimento se baseasse numa teoria de Wegener: inaceitável para a época, irrefutável para a consciência.

 

 

Obrigada, Capazes!

 

2017 trouxe-me uma grande surpresa neste seu primeiro dia!

A minha primeira página está escrita e, desta vez, podem lê-la na plataforma Capazes.

Todos somos capazes. Capazes de tudo!

E é com esta viagem de comboio, este texto Baseado numa história real, que se concretiza um sonho.

Se ainda não conhecem as Capazes, não percam mais tempo. Porque juntos somos, sem dúvida, mas fortes e podemos contribuir para um mundo melhor. Um mundo mais justo, um mundo igual para todos, sem discriminações.

Juntos podemos denunciar o que se passa à nossa volta. 

E podemos contribuir com pequenos gestos para que Homens e Mulheres sejam vistos de igual forma pela sociedade, tendo os mesmos direitos e os mesmos deveres. 

Espero-vos por lá.

FAÇAM-SE OUVIR, CAPAZES! 

 

Feliz Natal!

Hoje, quero apenas desejar-vos um Santo e Feliz Natal! 

Que não falte nada na vossa mesa e que, acima de tudo, se ouçam muitas gargalhadas.

Que a vossa luz interior brilhe intensamente e que não se apague o amor do vosso coração.

Que não vos falte saúde nem paz e que, dentro de nós, haja tempo para nos lembrarmos daqueles que já partiram e daqueles que hoje, infelizmente, não poderão ter um Natal digno, feliz e seguro. 

Que hoje voltemos a nossa atenção para quem verdadeiramente amamos. Para todos aqueles que dão sentido à nossa vida, para os que não nos deixam desistir, para os que nos estendem a sua mão, para os que são, efetivamente, insubstituíveis!

A vocês, um agradecimento muito especial por lerem o que escrevo e por também fazerem parte do meu Natal! 

Que nunca nos faltem as palavras e que possamos sempre expressar os nossos sentimentos e opiniões, sem medos. 

Que possamos sempre celebrar o amor e escrever o mais bonito de todos os poemas!

 

FELIZ NATAL!

Crise de valores

Os últimos dias têm sido marcados por bárbaros acontecimentos que têm deixado a população incrédula com o rumo pelo qual a nossa sociedade parece estar a enveredar.

Falo de tudo: dos incêndios provocados por mão criminosa que destroem uma nação, deixando em cinzas o trabalho de anos e anos a fio; dos maridos que matam as suas esposas e, não raras vezes, se suicidam de seguida; de um homem que assassina e esconde o corpo de três mulheres, uma das quais grávida de um filho seu; dos jovens que se agridem brutalmente sem motivo que o justifique – porque nada justifica a incivilidade que nos tem vindo a ser retratada pela imprensa – e da forma como encaramos, passivamente, todas estas situações.

Pergunto-me muitas vezes o que é que está mal, o que é que se passa na cabeça das pessoas, em que é que este mundo se está a tornar, mas não encontro respostas válidas nem argumentos que me tranquilizem.

 

 

Destaque

Bem, parece que hoje o blog recebeu o 4º destaque, por parte da equipa Sapo Blogs, o 1º destaque de 2016! E tudo isto se deve também a vocês e tudo isto é também para vocês!

Não tenho palavras para agradecer a todos os meus leitores e a todas as pessoas que acreditam em mim e me lêem, diariamente.

Prometo aprovar e responder, em breve, a todos os comentários que me têm deixado.

Obrigada pelo carinho que me enche o coração!

Este blog faz de mim uma pessoa muito mais realizada e muito mais feliz.

 

Boa noite, com muita paz e muita luz!

A mulher!

 

As palavras são escassas.

Escassas para elogiar o tamanho deste coração e a grandeza deste ser humano!

Hoje, cheguei a casa cansada, desmotivada, triste com o meu dia, triste comigo.

Depois, vi isto!

Vi o que realmente importa.

 

 

Haverá melhor forma de acabar o ano?

Haverá melhor forma de terminar o ano, enquanto blogger, do que receber um destaque por parte da equipa SAPO blogs?

Não, de certeza que não!

Obrigada pelo destaque e pela visibilidade que, tão generosamente, possibilitam diariamente a quem escolhe esta plataforma para partilhar com os outros um bocadinho de si.

Estou muito feliz! 

Desafio de Natal

Olá, queridos leitores!

Há muito tempo que não respondo aos desafios que me propõe mas, hoje, decidi, finalmente, fazê-lo e agradeço imenso por se lembrarem de mim.

Gostei muito deste desafio e identifiquei-me com ele porque a verdade é que adoro o Natal e gostaria de ter escrito mais acerca desta época tão especial, queria ter feito algo diferente, mas, até agora, infelizmente, ainda não surgiu a oportunidade para que tal acontecesse.

Desta forma, este desafio veio "mesmo a calhar" e é o início de alguns posts "mais pessoais" que estão para breve!
Espero que gostem!

 

Natal com frio ou com calor?

Com frio.

Aquele frio que nos leva a todos até à lareira, onde nos juntamos e aquecemos, não só o corpo, mas também a alma e o coração, com as nossas conversas e com as lembranças e reflexões de todo um ano que se passou.

Aquele frio que deixa a pontinha do nariz vermelha.

 

O Natal deve ser uma época de sentimentos, emoções, amor e harmonia familiar, mas é também indissociável da palavra "presentes". Qual o melhor e o pior presente recebidos até hoje?

Sinceramente, todos os presentes que recebi foram bons, na medida em que, todos eles foram dados com carinho e com muito amor e, quando é assim, é impossível não gostar.

No ano passado, contudo, lembro-me de ter recebido dois dos presentes que talvez mais gostei, agora que tenho outra maturidade e outra visão sobre o mundo e o que realmente é importante.
Gostei deles essencialmente pela surpresa que me causaram, pelas pessoas que mos ofereceram e pelo significado que têm na minha vida.

Gosto, acima de tudo, de ser surpreendida e sigo o lema de que fazemos a diferença com pequenos gestos, pelo que, sinceramente, para mim, os melhores presentes não são, necessariamente, os mais caros, mas sim, os que são feitos e dados com o coração, aqueles que demonstram que aquela pessoa pensou em nós!

 

Jantar de Natal - Bacalhau, Perú ou outro?

Bacalhau, sempre bacalhau! Aliás, é na consoada que o bacalhau e as batatas cozidas me sabem realmente bem! 

 

Lareira ou aquecedor?

Lareira. A lareira da casa do avô, o aconchego, a realidade, o que é natural...

 

O filme de Natal?

Geralmente, no Natal não costumamos ver muitos filmes, ficamos mais à conversa, enquanto a televisão é apenas o barulho de fundo.

Jogámos às cartas, ao dominó e aos jogos tradicionais (com o rapa e as avelãs e em tempos o famoso “par ou pernão” e até o Monopólio).

Apesar disso, o filme típico e que continua a fazer rir às gargalhadas é, como não poderia deixar de ser, o Sozinho em Casa!

 

Bolo Rei ou Bolo Rainha?

Bolo Rei é a tradição na minha família, apesar de não ser o doce que mais aprecio.

Prefiro umas rabanadas, uns sonhos, filhós, pão-de-Ló, cavacas e todos os outros doces que, juntos, fazemos no dia 24 de dezembro.

Ainda assim, este ano, comecei os preparativos mais cedo e já comi Bolo Rei e Bolo Rainha (eh!eh!eh!) e preferi o Bolo Rainha porque tem mais frutos secos e um “molho” delicioso. E como eu não gosto nada de fruta cristalizada, prefiro sem dúvida o Bolo Rainha, porque, pelo contrário, sou apaixonada por frutos secos!
Pode ser, que este ano a Rainha vença o Rei na mesa da consoada!

 

O melhor do Natal?

Tudo!

O Natal é a melhor época do ano! Somos todos mais solidários, junta-se a família toda, partilham se histórias, matam-se saudades, damos e recebemos muitos sorrisos e muito amor…
É uma magia transcendente!!

A euforia dos mais pequenos a abrir os presentes, o entusiasmo na preparação da consoada, na compra dos presentes. As músicas de Natal que se ouvem por todo o lado, as ruas iluminadas, as casas iluminadas, os brindes, a lareira, o brilhozinho no olhar!
Não existe “O melhor do Natal” porque o Natal é o melhor!

 

Nomeio então...

Os autores dos blogs: Gesto, olhar e sorrisoO meu maior sonhoGirl about townO fumo do meu cigarroJust smile e o Escritor mascarado.

 

Deixo ainda um agradecimento especial à minha querida Camellia pela nomeação e pelo carinho! Não se esqueçam de visitar o blog dela que é lindo e inspirador!

Sintam-se à vontade para responder a este desafio e para, caso queiram, partilharem comigo, nos comentários, as vossas tradições e a forma como passam o Natal. Gostava muito de saber como vivem a magia desta época!!

Beijinhos 

Corram! O meu poema está no Facebook!

Captura de ecrã total 18072016 192927.bmp.jpg 

  O meu poema 

 

Bom dia, queridos leitores!


Há precisamente dois meses (re)criei este blog. Dei-lhe uma nova cara, uma nova essência, uma nova força.

Desde então, sinto-me ainda mais realizada, essencialmente, por poder partilhar com todos vocês aquilo que sou, aquilo que sinto, as personagens que crio, os muitos "eus" que dentro de mim se encerram.

 

Há precisamente dois meses deixei que o mundo me pudesse conhecer, assim... sem medos, sem reservas, sem vergonhas e o balanço só pode ser positivo.

 

 

Obrigada!

Boa tarde!

Pois que o meu sábado não podia começar da melhor maneira!

Tão bom vir aqui e perceber que um dos meus posts está nos destaques!!
Obrigada "sapinho", pelo meu segundo destaque e por acolherem tão bem quem decide partilhar um pouco de si através deste "novo mundo". 

Fico muito feliz! 

Além disso, hoje, o blog atingiu também os 50 subscritores, só tenho a agradecer-vos. 

Obrigada a vocês, que estão desse lado e que seguem as minhas partilhas, os meus estados de alma, cada parte de mim. 

Espero que o número continue a aumentar e que publicações destas se repitam.

Bom fim de semana, sejam muito felizes!

Mais sobre mim

Seguir perfil

A ler:

Calendário

Janeiro 2017

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D