Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O meu poema

O blog em que o sonho é o principal verso da vida. O ser humano na sua essência. Os sentimentos à flor da pele. O tudo e o nada.

O meu poema

O blog em que o sonho é o principal verso da vida. O ser humano na sua essência. Os sentimentos à flor da pele. O tudo e o nada.

Agora sei que tudo se perdeu!

Agora sei que tudo se perdeu!

Perderam-se os caminhos, presos no estendal, perderam-se as gargalhadas, perderam-se os dias…

As folhas caíram e ninguém as varre. São um pedaço incómodo, a lembrança do passado em caixas de madeira polida.

Perderam-se as letras e a expressividade de cada bocejar.

Os vidros estão partidos e ninguém tem coragem de os segurar.

A transparência corta, a vergonha esconde, o sofrimento aflora.

 

Agora sei, sei que a felicidade é um pó que se varre para debaixo do tapete, que o medo se arruma em prateleiras e a essência se vende ao desbarato.

Acumula-se a sujidade por baixo dos pés, numa gradação crescente. Calca-se, repisa-se e, de repente, não há mais nada a dizer.

Dói, aquela ferida em greta, aquele sal grosso, a água que tumultuosamente ferve dentro de ti.

Dói, essa vida de náufrago, esse colete furado, esse livro em branco, feito de rabiscos abstratos.

Agora sei que tudo se perdeu!

Deitaste as migalhas ao chão num dia cinzento, os tapetes desbotaram, a vassoura partiu. Agora és um caco, uma jarra partida e o queixume desse vício artificial. És o pranto das águas que correm, paradas, a beber da lentidão, da calmaria dessas doces curvas circunscritas.

Agora sei que tudo se perdeu, até tu. Debaixo dessa paragem onde a chuva salpica e escorre. Debaixo dessa descontração lombar, dessa vida feita da censura das tuas próprias mãos.

Agora sei, sei de tudo.

E tudo se perdeu!

 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Seguir perfil

A ler:

Calendário

Dezembro 2015

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D